Entre em contato pelo 0800 591 9059 ou pelo whatsapp (48) 9 9614-7530

Próstata: tudo o que você precisa saber

prostata
FAÇA AGORA MESMO UMA AVALIAÇÃO DE SAÚDE GRATUITA

A próstata é uma glândula pertencente ao sistema reprodutor masculino e está localizada próxima à bexiga. Ela é extremamente importante para o organismo masculino. É responsável por produzir e armazenar um dos líquidos que compõem o sêmen, o  líquido prostático, responsável por 30% do esperma. Seus músculos também agem para expeli-lo. Além disso, ajuda a prolongar a vida dos espermatozoides.

A próstata, como toda glândula no organismo do ser humano, sofre influência dos hormônios. O seu crescimento está ligado ao hormônio sexual masculino, a testosterona. Seu tamanho aproximado é o mesmo de uma ameixa e pesa cerca de 20 gramas em um homem adulto. Como explicado, sua principal função é a produção de substâncias que compõem o líquido seminal.

Principalmente com o passar dos anos, há maiores probabilidades dos homens sofrerem de problemas com a próstata. Os três principais são: prostatite (caracterizada por infecção na glândula),  hiperplasia benigna da próstata (crescimento que não se configura como tumor) e o câncer de próstata.

Estima-se que cerca de 50% dos homens com 50 anos ou mais têm problemas de próstata. Este número aumenta conforme a idade avança. sendo que aos 80 anos, considera-se que até 90% dos homens apresentam algum tipo de problema.

Apesar de muitas vezes doenças relacionadas à próstata não serem sintomáticas no começo (por isso a importância de ir ao médico regularmente), é fundamental ficar atento aos sintomas que indicam que há problemas. Vale ressaltar que, apesar de serem mais comuns em homens com mais de 50 anos, doenças na próstata podem ocorrer em qualquer idade.

Quais sintomas podem indicar problemas na próstata?

prostata

Os principais sintomas que indicam que há problemas na próstata são relacionados ao ato de urinar. Isso ocorre porque a próstata está muito próxima da bexiga e também da uretra. Qualquer complicação na próstata acaba afetando o sistema urinário masculino.

Os principais sintomas são:

  • Jato urinário cada vez mais fraco;
  • Dificuldade ou demora para começar a urinar;
  • Necessidade frequente de urinar;
  • Acordar muitas vezes durante a noite para urinar;
  • Interrupção involuntária do jato urinário;
  • Presença de sangue na urina;
  • Dor ou sensação de queimação enquanto urina;
  • Urgência (não conseguir “segurar” a bexiga);
  • Sensação de esvaziamento incompleto da bexiga.

Ler mais

Licopeno: o que é e como pode contribuir para sua saúde

licopeno-tomate
FAÇA AGORA MESMO UMA AVALIAÇÃO DE SAÚDE GRATUITA

O licopeno é um carotenoide encontrado em alimentos que tem cor avermelhada, como tomate, goiaba e melancia, extremamente importante para a saúde. Algumas pesquisas apontam que o licopeno pode ajudar a prevenir o câncer de próstata, problemas cardiovasculares e a controlar a pressão arterial.

O licopeno é um carotenoide naturalmente vermelho que dá cor ao tomate e a outros frutos e vegetais vermelhos, amarelos e alaranjados. Ele é um dos 600 carotenoides, conhecidos pelos cientistas, encontrados em plantas. O licopeno é tido como o antioxidante mais eficaz entre os carotenoides que possuem betacaroteno.

Pesquisas mostram que sua ação antioxidante é capaz de manter a força, a espessura e a fluidez das membranas das células, que servem para permitir a entrada dos bons nutrientes e remover o lixo celular. Membranas celulares saudáveis são vitais na prevenção de muitas doenças.

Apesar de não ser produzido naturalmente pelo nosso organismo, o licopeno é bastante importante para nossa saúde. De ação antioxidante à contribuir para prevenção do câncer de próstata, saiba como o licopeno pode ajudar na sua saúde.

Licopeno: um aliado para sua saúde

Antioxidante: Por definição, antioxidantes são substâncias capazes de atrasar ou inibir a oxidação de um substrato oxidável. O papel dos antioxidantes é proteger as células sadias do organismo contra a ação oxidante dos radicais livres. Os radicais livres são moléculas que, por não possuírem um número par de elétrons na última camada eletrônica, são altamente instáveis. Apesar de fundamentais para a saúde, quando em excesso, passam a oxidar células saudáveis, como proteínas, lipídios e DNA. A importância dos antioxidantes está justamente no fato de que eles são capazes de regular a quantidade dos radicais livres no organismo, colaborando para a redução da situação de estresse oxidativo. Devido a isso, antioxidantes são associados à prevenção de câncer e de problemas arteriais.

Prevenção do Câncer:  Estudos mostram que o licopeno ajuda a evitar os danos que os radicais livres causam nas células e no ADN, fatores de risco conhecidos para contribuir no desenvolvimento de diversos tipos de câncer. Pesquisas em laboratório mostram que o licopeno poderia agir em células cancerígenas impedindo seu crescimento. Em humanos, estudos observacionais mostraram que havia menor incidência de câncer em pessoas com maior nível de licopeno no sangue. No entanto ainda está sendo estudado qual seu real impacto sobre o risco de câncer, apesar de ser um consenso de que contribui para prevenção.

Ler mais