Entre em contato pelo 0800 591 9059 ou pelo whatsapp (48) 9 9921-0219

Estresse: saiba quais são as consequências para seu organismo

estresse-causa-problemas
FAÇA AGORA MESMO UMA AVALIAÇÃO MÉDICA GRATUITA

O estresse do dia a dia, quando acumulado, pode afetar a sua saúde. Muitas contas a pagar, trabalho acumulado, desgaste na relação, trânsito: muitas situações podem gerar estresse no nosso dia a dia. No entanto, se ele começa a estar sempre presente, pode haver complicações para a saúde e consequências para o organismo.  

O estresse é uma reação natural do organismo, uma preparação do indivíduo para uma situação de luta e enfrentamento. O organismo tem recursos que o deixam mais alerta, e isso é feito em geral pela liberação de hormônios, que vão para o cérebro, para a musculatura e para a pressão sanguínea.

Quando essa condição passa, os hormônios caem e o corpo se estabiliza, volta ao normal. O problema é quando o estresse começa ser constante e por questões corriqueiras. Nesses casos, o coração acelera, o corpo sua, pode ter dor de estômago, disfunção intestinal, fadiga, problemas  para dormir. Os sinais típicos de estresse também incluem, a nível físico, cansaço, aperto no peito, indigestão, dor de cabeça, alterações do apetite e do peso, dores nas costas.

Pessoas constantemente estressadas são mais propensas a se sentirem irritadas, ansiosas, indecisas, desmotivadas, com dificuldades de concentração, isoladas ou agressivas, podendo ocasionar alterações do humor e aumentar o consumo de tabaco e álcool.

O que o estresse pode causar?

Confira alguns dos problemas que o estresse constante pode acarretar no seu organismo:

estresse

Problemas vasculares 

O estresse agudo, quando é momentâneo ou de curto prazo, como frear de repente para evitar um acidente, provoca um aumento na freqüência cardíaca, devido aos hormônios do estresse (adrenalina, noradrenalina e cortisol). Além disso, aumenta a quantidade de sangue bombeado para estas partes do corpo, o que eleva a pressão sanguínea. Isso também é conhecido como resposta de luta ou fuga. Uma vez que passa o episódio de estresse agudo, o corpo retorna ao seu estado normal.

Já o estresse crônico ou tensão constante experimentada durante um período prolongado de tempo, pode contribuir para problemas de longo prazo para o coração e para os vasos sanguíneos. O aumento contínuo da frequência cardíaca e os níveis elevados dos hormônios do estresse e de pressão arterial, podem fazer o corpo pagar por isso, aumentando o risco de hipertensão, ataque cardíaco ou acidente vascular cerebral.

Musculatura tensa 

Quando o corpo está estressado, os músculos ficam tensos. A tensão muscular é quase uma reação reflexa a essa sentimento: é o modo pelo qual o corpo se protege contra lesões e dor. Se o estresse é crônico, a musculatura tensa por muito tempo pode ocasionar dores.

Muito açúcar no sangue 

Quando o cortisol e a adrenalina são liberados, o fígado produz mais glicose. O açúcar no sangue que iria dar-lhe a energia para a “luta ou para a fuga” em caso de emergência. Como nos casos anteriores, com estresse constante, a produção de cada vez mais açúcar pode ser prejudicial. Pode-se desenvolver diabetes ou piorar a situação principalmente para pessoas obesas ou que já tenham a doença.

Problemas estomacais 

Quando se está estressado, o estômago pode reagir com pequenos incômodos ou até mesmo com náuseas ou dor. A pessoa pode até mesmo vomitar se o estresse for muito grave. E, se torna-se crônico, pode desenvolver úlceras ou dores de estômago graves. Também é comum dar mais azia em pessoas sob constante estresse.

Diminui a testosterona 

Nos homens, com a maior produção de cortisol (um dos hormônios do estresse), há a diminuição da testosterona, o que pode causar diversos problemas. Também relacionado ao organismo masculino, alguns estudos indicam que altos níveis de estresse podem aumentar as chances de infertilidade.

Mude seus hábitos

Se você está muito estressado, considere mudar seus hábitos para ter mais qualidade de vida e diminuir os riscos de ter problemas de saúde. Equilibre o horário de trabalho e dedique um tempo para você, invista em atividades prazerosas, pratique atividade física e tenha uma rede de suporte, com amigos e familiares, para não enfrentar isso sozinho.

4 comentários em “Estresse: saiba quais são as consequências para seu organismo

  • 12/10/2017 em 18:52
    Permalink

    Estás informações é muito importante a nossa saúde

    Resposta
  • 24/10/2017 em 07:58
    Permalink

    Gostei do artigo, muito esclarecedor.
    Grato a toda a equipe.

    Resposta
  • 09/07/2018 em 21:00
    Permalink

    Muito bom, informações importantes.

    Resposta
  • 18/10/2018 em 08:25
    Permalink

    Muito bom o artigo!! Vale como alerta para esse ritmo insano de vida!!

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *