Entre em contato pelo 0800 591 9059 ou pelo whatsapp (48) 9 9614-7530

Sono: saiba qual é sua importância para o bem-estar e para a saúde sexual masculina

sono-casal-dormindo
FAÇA AGORA MESMO UMA AVALIAÇÃO DE SAÚDE GRATUITA

Durante o sono, o organismo realiza funções importantíssimas com consequências diretas à saúde. Ele fortalece o sistema imunológico, libera a secreção de hormônios, como o de crescimento e insulina, consolida a memória, deixa a pele mais saudável, além relaxar e descansar a musculatura. Ou seja, ele tem uma influência direta no seu bem-estar.

A má qualidade do sono pode trazer diversos problemas para a saúde, inclusive para a vida íntima. Na medida em que você dorme mal, você tem alterações de humor e cansaço, por não repousar o suficiente. Pessoas que têm distúrbios do sono sofrem com a iminência de doenças que vão da depressão à obesidade.

Nos homens, além de afetar o bem-estar e a saúde em geral, a má qualidade do sono também influencia negativamente o desempenho sexual. A falta de uma rotina de sono adequada mantém elevados os níveis sanguíneos de adrenalina, o que pode provocar vasoconstrição, dificultando a chegada adequada de sangue e manutenção da ereção peniana.

De acordo com um estudo feito pelo Departamento de Psicobiologia da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), homens que dormem mal têm três vezes mais chance de apresentar disfunção erétil do que aqueles que dormem regularmente bem. As mulheres também sofrem com disfunções sexuais ligadas à qualidade do sono, causadas por alterações hormonais.

Segundo um estudo da Universidade de Chicago, Estados Unidos, homens que dormem menos de cinco horas por noite têm a produção de testosterona reduzida em cerca de 15%. Noites de sono tranquilas e com um tempo médio de 8 horas irão ajudar seu organismo na produção de testosterona. Isso ocorre porque é enquanto você dorme que os níveis hormonais são estabilizados.

Dicas para melhorar a qualidade do seu sono

Evite atividades estimulantes

Antes de deitar, evite realizar atividades que estimulam seu cérebro, pois isso faz com que ele se mantenha mais desperto, o que criará maiores dificuldades para você dormir. Também evite levar o trabalho para a cama. É importante criar a associação da cama com sono e descanso.

Banho quente antes de deitar

Um banho quente eleva a temperatura do corpo, o que significa que quando você sai do banho, o corpo esfria rapidamente. Essa temperatura corporal reduzida facilita o sono.

Sono-cama

Não tome bebidas estimulantes

Café, chás com cafeína (como chá preto e chá-mate) e refrigerantes a base de cola te deixarão mais desperto, o que obviamente não é bom se você quer uma noite de sono tranquila e reconfortante.

Não consegue dormir? Então levante-se!

É importante que você não associe sua cama com o ato de ficar acordado.Se você está há mais de 40 minutos deitado sem conseguir dormir, levante-se e faça alguma atividade relaxante, como ler um livro ou tome um banho quente. Não ligue a televisão e nem pegue seu celular, pois isso deixará você mais desperto. Depois de um intervalo de tempo fazendo algo relaxante, volte para a cama. Procure criar uma forte associação entre a cama e o sono.

Durma no escuro e sem outros estímulos

Sabe quando você está deitado e resolve checar o celular para ver se tem novas mensagens? Bem, isso é um crime se você quer uma noite de sono tranquila e dormir logo que deitar. Para evitar essa tentação o ideal é nem dormir com o celular próximo à você. Também deixe as luzes apagadas e não durma com a TV ligada, pois mesmo se você chegar a dormir, isso te manterá num sono de vigília, sem alcançar um sono profundo.

Sexo melhora o sono

Se dormir mal pode prejudicar seu desempenho na cama, é comprovado que relações sexuais têm um efeito positivo sobre o sono. O relaxamento que o orgasmo traz contribui para que você durma melhor, e não apenas nos dias em que houver sexo. A reação tem efeito prolongado, devido a ação de neurotransmissores que passam a agir no seu organismo com mais regularidade e numa quantidade maior. Também é comum, logo após o orgasmo, homens dormirem. Isso ocorre porque há liberação de prolactina, o que baixa a concentração de testosterona no sangue, deixando o homem com bastante sonolência.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *