Entre em contato pelo 0800 591 9059 ou pelo whatsapp (48) 9 9614-7530

Tratamento disfunção erétil: qual o mais indicado para seu caso

tratamento disfunção erétil

Quer saber qual tratamento disfunção erétil mais indicado para seu caso? Então você precisa conhecer melhor porque ela ocorre, quais são as suas possíveis causas e assim descobrir qual tratamento mais adequado. Acompanhe!

FAÇA AGORA MESMO UMA AVALIAÇÃO DE SAÚDE GRATUITA

Entenda o que é disfunção erétil

A disfunção erétil é popularmente conhecida como impotência sexual. Ela se caracteriza pela falta de ereção no homem que impossibilita uma relação sexual satisfatória. Ou seja, que não permita a penetração. Também pode ser caracterizada pela dificuldade frequente que o homem sente em manter o pênis ereto durante a relação. O que também impede o casal de chegar lá.

Muitos homens se sentem sozinhos, perdidos e sem saber como lidar com a situação quando isso ocorre, ainda mais quando ela é frequente. A parceira (o) também pode se sentir culpada (o), triste ou constrangida (o), pois pode achar que a culpa é dela. Que falta algo na relação. Que antes o seu desempenho era muito diferente.

Mas você sabe que esse problema não é culpa dela e precisa entender que também não é sua. A impotência sexual é um problema de saúde, mas que tem tratamento médico.Você precisa apenas tomar uma atitude e buscar o tratamento disfunção erétil mais indicado para seu perfil.

Para encontrá-lo, o homem necessita realizar uma AVALIAÇÃO MÉDICA que analise seus dados clínicos para que dessa forma o médico indique o tratamento mais adequado.

Tratamento disfunção erétil

“Isso nunca aconteceu comigo antes.” Se você já está cansado de dar essa desculpa quando tenta ter uma relação sexual com sua parceira (o) mas não consegue devido à disfunção erétil, significa que você precisa tomar coragem para assumir que necessita de ajuda médica especializada.

Primeiramente, entenda que você não é o único com problemas de ereção. A disfunção erétil atinge milhões de homens no mundo todo. Somente no Brasil, estima-se que 1 em cada 3 homens com menos de 45 anos (35%), e até 2 em cada 3 homens com mais de 45 anos (65%) apresentam algum grau de Disfunção Erétil.

Mas muitos homens demoram a procurar por um tratamento disfunção erétil. Segundo pesquisas, quando o homem procura o médico devido a problemas de ordem sexual, ele está em média 7 anos atrasado no diagnóstico.

E isso é o que você não deve atrasar, pois a demora para procurar por um tratamento para impotência, maiores serão as dificuldades. Por isso, se você tem algum problema de desempenho necessita começar AGORA o tratamento disfunção erétil mais indicado para seu caso.

SPRAY: tratamento disfunção erétil

Um dos tratamento disfunção erétil mais indicado para os homens que sofrem de impotência sexual é o SPRAY SUBLINGUAL. Sua eficácia é muito maior do que a de comprimidos e além disso tem efeitos adversos praticamente nulos.

Leia agora: 5 motivos para usar o Spray para Impotência Sexual

O SPRAY também é indicado somente após uma AVALIAÇÃO MÉDICA pois assim o tratamento é feito de acordo com as particularidades do caso de cada homem.

Essa avaliação leva em conta tanto os dados clínicos do homem quanto o tempo que ele sofre com a disfunção erétil e outras questões relevantes. Dessa forma o médico indica o tratamento disfunção erétil para cada caso.

Quer iniciar agora o seu tratamento? Aproveite para fazer uma Avaliação Médica GRATUITA (por tempo limitado). Faça agora! E deixe seu comentário aqui.

FAÇA AGORA MESMO UMA AVALIAÇÃO DE SAÚDE GRATUITA

Um comentário em “Tratamento disfunção erétil: qual o mais indicado para seu caso

  • 26/12/2018 em 22:13
    Permalink

    Fiz um tratamento de cancer e durante este tratamento perdi a condição fisica sinto todos os sintomas normais porem ha um problema o penis não~consegue ficar ereto, como se alguma coisa tivesse sido danificado e provavelmente esta obstruindo o fluxo de sangue nas veias do penis para mante-lo ereto quando da relação queri saber o que ocasionou isto e se tem tratamento sem necessidade de uma protesi

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *