Entre em contato pelo 0800 591 9059 ou pelo whatsapp (48) 9 9614-7530

Testosterona e disfunção erétil: a baixa testosterona tem relação com a impotência sexual?

testosterona e disfunção erétil Uroclinic

Muitos homens que sofrem de baixa testosterona se preocupam se ela pode ter alguma relação com a impotência sexual, e, dessa forma, aumentar o risco de desenvolver o problema de ereção. Por isso que neste artigo vamos tratar sobre a relação entre a testosterona e disfunção erétil. Acompanhe!

FAÇA AGORA MESMO UMA AVALIAÇÃO DE SAÚDE GRATUITA

Mas antes de estabelecermos se há alguma relação entre testosterona e disfunção erétil, é necessário entender o que é a disfunção erétil e também qual importância da testosterona para o organismo do homem.

Confira e, se ficar alguma dúvida, aproveite para deixá-la em nossos comentários!

O que é a testosterona?

Mesmo estando presente tanto no corpo do homem como no da mulher, a testosterona é considerada um dos principais hormônios masculinos, e é produzida no organismo do homem numa quantidade muito maior do que no da mulher.

Para os homens, a testosterona é responsável por uma série de funções fisiológicas e características do corpo masculino. A quantidade adequada de testosterona no homem também está ligada diretamente com a sua qualidade de vida.

Entre as funções da testosterona, podemos citar sua importância para:

  • Ganho e força muscular;
  • Estrutura óssea;
  • Desejo sexual (libido);
  • Regulação do sono, entre outros;
  • Fertilidade (por estar relacionada com a produção de espermatozóides);
  • Sexualidade masculina.

Em contraposição a isso então, a baixa testosterona vai trazer uma série de problemas. Tais como perda de massa óssea e aumento do risco de fraturas; perda de força e diminuição da massa muscular; aumento da massa gordurosa; diminuição da libido; redução da fertilidade; fadiga; aumento da resistência à insulina e do risco de diabetes; depressão; comprometimento das funções cognitivas.

Dessa forma, já podemos ter uma ideia das razões para a baixa testosterona e disfunção erétil terem alguma relação. Mas para entender melhor, vamos conferir o que é a disfunção erétil, mais popularmente conhecida como impotência sexual.

O que é disfunção erétil?

A disfunção erétil está entre os problemas de ereção mais comuns, e pode ocorrer em homens de qualquer idade. Apesar de ser muito mais comum nos que têm uma idade mais avançada.

Mas a principal razão para isso é por eles estarem há mais tempo expostos aos fatores de risco da disfunção erétil. Para saber mais sobre o assunto, você pode conferir o artigo: As principais causas da impotência sexual e como tratá-la.

Para caracterizar o problema, podemos dizer que a disfunção erétil é a dificuldade frequente do homem em obter a ereção durante a relação sexual. Ou então a dificuldade em manter a ereção que permita uma atividade sexual satisfatória para o casal.

Quer saber mais? Leia também: Como identificar se eu tenho disfunção erétil.

Há relação entre baixa testosterona e disfunção erétil?

Considera-se também que a ação da testosterona é responsável pelo controle do desejo sexual, pela ereção e também pela fertilidade. Dessa forma, há sim a relação entre baixa testosterona e disfunção erétil.

Além disso, estudos apontam que a potência sexual do homem também depende da testosterona.

E isso pode ser inferido pelas ereções espontâneas que ocorrem de manhã. Que é o período do dia em que os níveis desse hormônio no homem adulto ficam mais altos.

Entre as causas da impotência sexual, podemos ver que uma delas são os problemas hormonais que o homem possa estar sofrendo. E como a testosterona é o principal hormônio masculino, há essa relação entre a testosterona e disfunção erétil.

Tudo isso porque a testosterona controla, direta ou indiretamente, vários mecanismos pertinentes a função erétil do pênis. E a deficiência na produção desse hormônio irá prejudicar a função sexual do homem.

Quer saber como identificar a baixa testosterona? Leia este artigo!

Conclusão

Contudo, é muito importante ficar atento sobre o problema de ereção e não tomar remédios sem indicação. É preciso entender que a disfunção erétil deve ser tratada a partir de uma avaliação médica.

Isso porque a impotência sexual pode ter mais de uma causa, para além da relação entre testosterona e disfunção erétil. Sendo fundamental realizar um diagnóstico prévio para então se realizar o tratamento mais adequado.

Aproveite e realize a AVALIAÇÃO GRATUITA E ONLINE oferecida pela UroClinic e descubra qual tratamento mais indicado para os homens que sofrem de problemas de ereção.

FAÇA AGORA MESMO UMA AVALIAÇÃO DE SAÚDE GRATUITA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *