Entre em contato pelo 0800 591 9059 ou pelo whatsapp (48) 9 9614-7530

Ter filhos ou não? Saiba tudo sobre a vasectomia!

tudo sobre a vasectomia

Se você está buscando mais informações antes de tomar essa importante decisão, aqui você vai saber tudo sobre a vasectomia!

Este é um procedimento considerado simples, que tem como objetivo interromper a chegada dos espermatozoides ao sêmen.

A cirurgia é indicada aos homens que não desejam ter filhos.

No entanto, é importante ter algumas informações que irão te preparar para que tudo corra bem no pós-cirúrgico.

FAÇA AGORA MESMO UMA AVALIAÇÃO DE SAÚDE GRATUITA

Tudo sobre a vasectomia: a Operação

Para que haja a fecundação e a reprodução de um bebê é necessário que o óvulo feminino seja fecundado por um espermatozoide.

Nesse sentido, quando um casal ou um homem não deseja ter filhos, é possível e importante aderir aos métodos contraceptivos disponíveis.

Seja a camisinha, pílulas anticoncepcionais ou o DIU, existem diversas maneiras de evitar uma gravidez.

No entanto, nenhum método é considerado 100% eficaz.

Leia também: Quais doenças causam infertilidade nos homens?

Assim, alguns outros procedimentos são considerados “mais seguros”, pois recebem intervenções cirúrgicas diretamente nos sistemas reprodutores femininos e masculinos.

Por isso, para entender tudo sobre a vasectomia é essencial saber como funciona a operação.

A técnica dura em média de 30 minutos a 1 hora, e pode ser realizada em consultório médico ou em clínicas e hospitais com área cirúrgica.

Basicamente, o médico responsável faz uma inserção na região escrotal, cortando os canais que direcionam os espermatozoides que vão do testículo ao sêmen.

Desse modo, o procedimento ganha uma margem maior do que 99% de segurança.

Artigo sugerido: Câncer de testículo: quais são os sintomas e como tratar?

Como é o pós-cirúrgico

Para explicarmos tudo sobre a vasectomia, não podemos deixar de falar sobre a recuperação pós-cirúrgica.

Após o processo clínico, normalmente os pacientes são liberados no mesmo dia.

Dependendo da  profissão, é possível que no dia seguinte o paciente já volte ao trabalho. 

Nesse caso, já que se trata de uma técnica considerada simples, ela requer cuidados igualmente simples:

  • 24 horas de repouso;
  • 24 horas sem dirigir;
  • 7 dias sem esforço físico;
  • 7 dias sem pegar e carregar objetos pesados;
  • Praticar atividades físicas e/ou esportes só após uma semana;
  • de 7 a 30 dias sem práticas sexuais (conforme indicação do seu médico especialista).

Artigos especiais para você: Dicas de hábitos saudáveis para homens aproveitarem melhor a vida
Meditação e mindfulness podem melhorar sua vida sexual
Desempenho sexual masculino: desvendando mitos
Como aumentar o tesão: dicas eficazes e naturais para aumentar o apetite sexual

ALERTAS sobre a vasectomia: informações super importantes!

  • Apesar de ser uma cirurgia passível de reversão, é muito importante que o paciente esteja certo e consciente da proporção que essa escolha pode ter a longo prazo em sua vida.
  • Com o passar do tempo, as chances de conseguir ter filhos após uma reversão de vasectomia tendem a ir diminuindo, variando entre apenas 80% a 50%. Ou seja, quanto maior o tempo de vasectomia, menores as possibilidades de ter uma gravidez futura.
  • No Brasil, os pacientes interessados em realizar o procedimento devem atender aos seguintes pré-requisitos: ter mais de 25 anos; ou ter dois filhos vivos; e aguardar um prazo de no mínimo 2 meses entre a data de demonstração de interesse pela cirurgia até a data do processo (para que haja tempo de maturação da vontade/decisão).
  • Mesmo após a cirurgia, os espermatozoides podem se manter vivos e “incubados” nos canais escrotais. É dentro do período de 3 meses que eles “morrem” e são absorvidos pelo organismo.
  • Portanto, logo após fazer a cirurgia, o homem (ou o casal) ainda não estão, de fato, seguros e resguardados da possibilidade de acontecer uma gravidez indesejada. É necessário aguardar um período próximo a 90 dias para fazer o exame de espermograma – ou aguardar entre 20 a 30 ejaculações – antes de se permitirem fazer sexo sem proteção de preservativo ou pílulas anticoncepcionais.
  • Além disso, quando falamos tudo sobre a vasectomia, é interessante destacar que a cirurgia no sistema reprodutor masculino não interfere na potência sexual dos pacientes.
  • Do mesmo modo, a cirurgia também não interfere na ejaculação, uma vez que os espermatozoides representam apenas 10% do volume total do sêmen.
  • Fique atento às possíveis complicações da vasectomia: em no máximo 2% dos casos, pode ocorrer leves sangramentos, infecções, hematomas e dores nos testículos.
  • Agora que você já sabe tudo sobre a vasectomia, agende sua avaliação de saúde para averiguar se suas atuais condições permitem que a cirurgia aconteça.

Mas antes de darmos esse assunto por encerrado, não se esqueça que não existe nenhum outro método que previne as transmissões de doenças sexualmente transmissíveis (DSTs) senão o uso dos preservativos feminino e masculino.
Portanto, independentemente de ser um homem vasectomizado, sempre use camisinha!

FAÇA AGORA MESMO UMA AVALIAÇÃO DE SAÚDE GRATUITA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *